Blog

05 estratégias para motivar seu time de vendas
há 11 meses por Followize   -  Categorias: Planejamento

05 estratégias para motivar seu time de vendas

Para manter uma equipe de vendas atuando sempre com alta performance é preciso lembrar de três ingredientes básicos: processo, tecnologia e pessoas engajadas. E neste post vamos focar no terceiro item para te ajudar a ter melhores desempenhos em seu time! 

Se você acompanha nosso blog, já sabe que sempre estamos relembrando a importância de que esses três pontos fundamentais – pessoas, processos e tecnologia – caminhem juntos e em harmonia para que o seu motor de vendas seja um colecionador de grandes resultados.

Mas se a tecnologia e os processos estiverem bem, não adianta esperar uma performance elevada sem que o seu terceiro pilar também esteja preparado para atuar no mesmo nível. As pessoas são parte crucial para que qualquer estratégia de negócio – seja lá em que segmento ou nicho de atuação sua empresa se encaixe – funcione.

E quando o assunto são as vendas, existem pontos importantes a serem considerados para manter seu time de vendas engajado, alinhado com os objetivos da empresa e entregando sempre o seu melhor.

No post de hoje elencamos cinco dicas estratégicas de motivação que vão além dos itens básicos que você já conhece. Estabelecer metas, oferecer ferramentas adequadas, gerar motivação financeira, promover premiações e capacitar são o básico. Mas como ir além? É isso que propomos aqui! Que tal testar e conferir com sua equipe comercial?

 

01. Transforme-os em patrocinadores

Qualquer equipe tem como estrutura normal o padrão em que um líder é responsável por conduzir o time rumo ao sucesso. Ponto.

Mas será que somente essa estratégia funciona? O quanto sua equipe está verdadeiramente engajada quando não sente na pele a responsabilidade de ser o principal condutor de algo ao sucesso? Um dos caminhos para desbravar essa estratégia de engajamento é transformar cada um de seus colaboradores responsável por um tipo de sucesso.

“Espera, mas então eu não terei mais um líder? Todos serão líderes?”

Não exatamente. Você sempre precisará de um líder principal conduzindo seu time para que ninguém se perca nos objetivos individuais, mas nomear patrocinadores para tomar conta de objetivos e metas específicas ajuda a criar um senso de participação e responsabilidade muito mais elevado. 

E isso pode ser feito de maneira muito mais simples do que você imagina: 

  • Criar um patrocinador para garantir o aproveitamento das ferramentas de tecnologia, por exemplo, é uma alternativa. Ele será o responsável por acompanhar se os históricos estão sendo atualizados e as informações alimentadas como deveriam. E caso não, é ele quem deve cobrar o time ou tomar ações para motivar a participação de todos no processo, sempre contando com apoio do líder principal.
  • Ter patrocinadores por produtos é outro caminho. Se você tem uma equipe comercial grande e mais de um produto no portfólio, trabalhar por nichos pode ser uma forma interessante de gerar engajamento para o alcance das metas coletivas.
  • Outro patrocinador que pode ajudar a potencializar o desempenho de todos é aquele que será responsável pela manutenção dos materiais de apoio do time comercial e comunicação com o marketing. Ele pode ser o principal ativador para que os materiais como apresentações, folders, e-mails e demais pontos de apoio estejam sempre alinhados com as estratégias de vendas, atuando como ponte entre o marketing e comercial e tornando essa relação ainda mais produtiva.

 

02. Dê liberdade (com responsabilidade)

Muito relacionado com a estratégia anterior, em que distribuir maior responsabilidade pode gerar maior engajamento, aqui a lógica é deixar que cada um seja responsável por criar e conduzir a sua própria rotina.

Claro que é importante manter as coisas sob controle, mas se todos sabem de suas metas e onde precisam chegar, será que ficar pressionando ou limitando a atuação de cada um é realmente válido? Talvez proporcionar maior liberdade para que cada um deles conduza sua ordenação de responsabilidade seja um dos caminhos para elevar o ritmo, já que cada um pode adequar melhor as tarefas de acordo com o seu modo de agir.

Se as metas são batidas e as entregas concluídas com sucesso, não há por que ser tão restritivo. E se alguém da equipe não está se adaptando a essa estrutura, então vale uma conversa e um acompanhamento mais próximo, ou ainda rever se o seu processo está realmente facilitando esse tipo de atuação.

 

03. Incentive o novo

Muitas vezes ficamos tão concentrados em atuar com os processos definidos que não conseguimos ver novas possibilidades. Ouvir com atenção seu time de vendas, que está diariamente em contato com os desafios reais para que sua empresa tenha sucesso, pode ser uma estratégia importante para o seu negócio.

Porém, mais do que ouvir, vale também incentivar. Quando todos atuam no automático, dificilmente novas ideias surgem. Mas se você abre espaço para participações em prol de melhorias, pode se surpreender com os pontos que sua equipe levantará para tornar seu processo ainda mais eficiente.

 

04. Cuide da casa

Esqueça, para sempre, o ditado “em casa de ferreiro o espeto é de pau”. Se você quer sua empresa funcionando bem para entregar aos seus clientes bons resultados, precisa fazer isso direito desde o início. E não adianta sair por aí promovendo que você cuida bem de seus clientes e ser reconhecido por isso se você não fizer o mesmo por sua equipe.

Ter um ambiente de trabalho saudável, agradável e que proporcione experiências memoráveis é um dos maiores ativadores de sucesso que você vai encontrar. E isso vai desde como você disponibiliza os móveis no escritório até como você fala com cada um de seus colaboradores.

 

05. Celebre, sempre

Comemorar nem sempre é algo lembrado por todos, mas deveria ser. Temos o infeliz hábito de olhar mais para nossos erros do que para os acertos. Olhar para os erros é importante sim! Mas também é fundamental valorizar os acertos e comemorar cada um deles com a sua equipe.

Essa prática cria uma corrente positiva contínua de estímulo, em que as pessoas se sentem reconhecidas e valorizadas por sua participação nos resultados. E quanto mais esse efeito transborda, mais os resultados crescem.

Então promova atos simbólicos de celebração (que tal bater um sino a cada nova venda?), crie momentos de comemoração conjunta para todos (que tal happy hour trimestral para comemorar metas alcançadas e unir o time?) e não se esqueça dos feedbacks individuais em que é importante pontuar os pontos de melhorias, mas também reconhecer o que foi positivo para cada um.

 

Veja também: 

Comentários

Ficou interessado?

Converse com um de nossos consultores, tire suas dúvidas e conheça todas as vantagens do Followize.

Solicitar Demonstração