Dicas e tendências na gestão de leads e vendas

Como comunicar aumento de preço: 4 boas práticas para não errar + exemplos

Descubra 4 boas práticas e dicas de como comunicar aumento de preço do seu produto e serviço sem reduzir a satisfação da sua base de clientes.

 

Os aumentos de preço são atitudes inevitáveis para qualquer empresa. Mas, ainda assim, causam desconforto e insatisfação com a base de clientes — principalmente quando não são comunicadas de forma adequada.

 

Algumas matérias já mostraram que o consumidor prefere bom atendimento em vez de preço baixo. Ainda assim, quando é necessário fazer qualquer reajuste, é preciso adotar algumas boas práticas para não espantar a clientela.

 

Então, se você quer saber como comunicar aumento de preço sem assustar ou revoltar seus consumidores, continue lendo para aprender 4 boas práticas desse tema. Vamos lá?

 

1. Comunique o aumento de preço com antecedência

Se você quer saber como comunicar aumento de preço com eficiência, precisa saber que o primeiro passo é avisar toda a base de clientes com muita antecedência. Essa comunicação prévia tem dois objetivos: preparar o cliente e evitar qualquer desconforto pela mudança.

 

No primeiro caso, onde queremos preparar o cliente, ele terá condições de organizar o seu caixa para os novos valores. Desse modo, poderá reconsiderar o investimento feito e, se for de sua vontade, procurar outras opções no mercado.

 

Já o segundo caso, onde queremos evitar qualquer desconforto, tem como foco não fazer o consumidor como “refém”, com uma mudança abrupta de última hora e que acaba forçando uma relação por necessidade. Assim, é importante evitar isso, pois o cliente precisa ter o direito de escolher seus fornecedores.

 

Um exemplo para ajudar no processo de comunicação:

 

“Olá, cliente, tudo bem?

 

A partir de janeiro de 2022, faremos um reajuste de 5% em nossos produtos, que tem como objetivo ajustar os valores da inflação e cobrir a alta de custos em outras partes do nosso processo.

 

Como temos mais de 1 ano até o aumento acontecer, você será comunicado novamente em outras oportunidades.

 

Em caso de dúvidas, nosso canal de atendimento estará aberto para esclarecimentos.

 

Obrigado!”

 

E mesmo assim, fazendo a comunicação com antecedência, ainda existe o risco do cliente ir embora. Portanto, é preciso fazer os próximos passos para reduzir as chances disso acontecer.

 

2. Justifique o aumento de preço de forma convincente

Todo aumento de preço tem uma justificativa real e que pode ser comunicada de forma convincente. Normalmente, a mudança ocorre para corrigir as defasagens que a inflação traz, sejam aumentos de salários, custo com fornecedores e afins.

 

Sendo assim, o segundo passo no processo de como comunicar aumento de preço consiste em ser transparente com o cliente. Mostre claramente o motivo do aumento e esteja aberto para tirar dúvidas, pois esse tipo de atitude facilitará o processo.

 

Um exemplo para você comunicar o aumento:

 

“Olá, cliente, tudo bem?

 

Devido à necessidade de correção da inflação, bem como outros valores que impactam no preço de produção do nosso produto, vamos reajustar nossos preços em 5% a partir de outubro de 2021.

 

Esse aumento será pontual e necessário para manter a nossa qualidade de entrega, bem como a satisfação de todos os envolvidos em nossa rotina empresarial.

 

Obrigado pela compreensão e, em caso de dúvidas, é só entrar em contato pelo nosso canal de atendimento.”

 

3. Reforce os benefícios que a sua empresa oferece

Mais um passo importante na hora de comunicar aumento de preço está em reforçar os benefícios que a sua empresa oferece, seja na venda de produtos ou serviços.

 

Aqui, comunique o aumento de preço com antecedência, justifique o motivo e, no momento oportuno, reforce os benefícios que continuarão a existir com a alta. Mostre para o consumidor que aquilo que você vende continua essencial para a rotina dele, e que o aumento servirá para manter a qualidade do trabalho.

 

Dessa forma, qualquer resistência ao aumento poderá ser bem menor.

 

Por exemplo, é possível reforçar as qualidades da seguinte forma:

 

“Olá, cliente, tudo bem?

 

Gostaríamos de comunicar que, a partir de janeiro de 2022, teremos um aumento de 5% em nossos serviços. Esse aumento visa corrigir a inflação do período e também a defasagem dos salários dos colaboradores e aumento do custo dos fornecedores.

 

Mas, apesar disso, mantemos o nosso compromisso de entregar a melhor experiência para gestão de leads do mercado, oferecendo uma plataforma cada vez mais robusta, confiável e essencial para o seu dia a dia.

 

Obrigado pela compreensão e, em caso de dúvidas, nossos canais de atendimento estão abertos para ouvi-lo.”

 

4. Ofereça benefícios exclusivos para os clientes

Para finalizar nosso guia de como comunicar aumento de preço, temos uma boa prática imperdível para te ajudar no processo: oferecer benefícios, de alguma forma, exclusivos aos clientes — principalmente os mais fiéis.

 

Aqui, podemos oferecer um aumento de preço menor por um período. Por exemplo, para os clientes com mais de 5 anos de relacionamento, o aumento será de 5% em vez de 10%. Além de ajudar na conexão com os consumidores, isso dará mais tempo para que eles se preparem para o reajuste.

 

Mas lembre-se: ofereça um benefício conforme a sua realidade empresarial. Nunca deixe de fazer um aumento, principalmente para correções de preços defasados, por medo da reação da base. Ninguém gosta de reajustes, mas eles são necessários na maioria dos casos.

 

Bônus: cuidado com o valor do reajuste

E por falar no valor do reajuste, separamos um tópico bônus sobre o tema: o cuidado com o valor que será aumentado em seu produto ou serviço.

 

É verdade que toda empresa quer faturar mais, mas o reajuste precisa ser adequado ao mercado. Nada de aumentar seu preço em 50%, por exemplo, pois nenhuma justificativa seria aceita pelos clientes.

 

Pior, se a sua empresa precisa realizar um aumento tão grande, vai demonstrar uma falta de gestão financeira de igual tamanho — e isso sim pode espantar a clientela. Portanto, seja honesto, transparente e coerente no aumento que tudo ficará bem com a maioria dos consumidores.

 

Aprendeu como comunicar aumento de preço? Agora é hora de colocar em prática!

Como pudemos ver ao longo do texto, o processo de como comunicar aumento de preço não é nenhum bicho de sete cabeças. Com uma comunicação assertiva e transparente é possível reajustar os valores sem muitos impactos no relacionamento.

 

Sendo assim, coloque as práticas que trouxemos neste conteúdo para conseguir reajustar os preços com sucesso.

 

E se você quer conhecer mais artigos sobre gestão, leia também:

Post a Comment